Manaus, 11 de Dezembro de 2017
Call Center: 0800-0922626 / (92) 2121-6490

Prodam incentiva consumo de alimentos saudáveis com feira na empresa

As tarefas do cotidiano geralmente impossibilitam fazer a compras de casa durante a semana. Com isso, sobra para o final de semana o compromisso de ter que acordar cedo para ir às compras e aproveitar as frutas, verduras e legumes fresquinhos na feira. Mas, para os colaboradores da PRODAM, todas as quintas agora também são dia de feira. Dessa maneira, eles conseguem ter acesso a alimentos saudáveis, sem precisar se deslocar a outros lugares, além de incentivar a economia regional, por adquirirem produtos orgânicos de pequenos agricultores.

De acordo com a diretora administrativo-financeira da PRODAM, Paula Gabriele Monteiro, a ideia da feira surgiu com o objetivo de incentivar o consumo de frutas, verduras e legumes. “Sempre foi uma das queixas dos funcionários, o fato de não termos alimentação adequada nos arredores da empresa, assim a feira, de certa forma minimiza essa situação, pois você pode comprar bons produtos, com ótimos preços no seu próprio local de trabalho”, disse.

Desde o final do último mês a empresa tem realizado a Feira de Produtos Naturais, sempre das 9h às 14h, e a iniciativa tem feito sucesso entre os colaboradores. “Eles têm elogiado bastante e, por conta disso, já estamos pensando em realizar outras parcerias para agregar variedade de produtos da feira”, comentou a assistente social da PRODAM, Helena de Castro Monteiro.

Para a assistente administrativa da PRODAM, Maria do Perpétuo Socorro de Oliveira, a feira traz uma série de benefícios, entre elas, a facilidade de fazer boas escolhas na hora das refeições. “Afinal, além de serem saborosos, são alimentos mais saudáveis e naturais, livres de agrotóxicos e outros produtos químicos”, destacou a colaboradora da empresa.

Já para a analista de TI, Alessandra Machado Soares, a Feira de Produtos Naturais proporciona uma economia de tempo para quem muitas vezes não tinha como ir sempre à feira. “E tendo uma aqui, todas as semanas, com tudo fresquinho, é um grande incentivo”, apontou.

Saúde e Alimentação

A produtividade no trabalho também está ligada ao estado de saúde geral do organismo. No caso da má alimentação, a pessoa se torna mais vulnerável a problemas de saúde que interferem negativamente no seu trabalho, como gripes, resfriados, anemia, obesidade, diabetes e hipertensão.

Essa relação foi estudada pela Organização Internacional do Trabalho, que concluiu que a alimentação inadequada no local de trabalho pode ser responsável por reduzir em até 20% a produtividade dos funcionários. Além disso, funcionários que não se alimentam corretamente estão mais sujeitos a acidentes de trabalho, além de aumentar o absenteísmo, os atestados médicos e afastamentos.

No Brasil, menos da metade das empresas incentiva a alimentação saudável entre seus funcionários, de acordo com uma pesquisa feita em 2015 sobre o comportamento dos trabalhadores em relação a hábitos básicos de saúde.