Manaus, 18 de Outubro de 2017
Call Center: 0800-0922626 / (92) 2121-6490

Aplicativos móveis levam acesso a serviços e informações aos cidadãos amazonenses

DSC_5147Com um simples toque na tela do smartphone, agora a população pode resolver algumas demandas cotidianas que antes necessitaria de deslocamento e tempo para serem resolvidas. Graças a uma parceria com os órgãos públicos locais, a PRODAM tem desenvolvido soluções para facilitar a vida do cidadão, que está cada vez mais adepto à tecnologia.

“O amazonense está mais conectado e com o celular na mão pode trocar mensagens nas redes sociais, assistir vídeos, comprar, pesquisar preços e acessar serviços públicos, tudo isso quando e de onde ele quiser”, comentou o diretor técnico da PRODAM, Daniel Tadeu Martinez Castello Branco.

Ele aponta que a ideia é aproveitar essa facilidade que a tecnologia traz para estreitar as relações entre o cidadão e os Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, constituindo um novo canal de comunicação para solicitação de serviços, reclamações, sugestões e acesso a informações.

Imagem1

Diretor presidente da Prodam, Márcio Lira, no lançamento do aplicativo Saúde Amazonas, realizada na Casa Civil em Março

E o uso dos aplicativos móveis tem atraído cada vez mais o cidadão. Um exemplo disso é o recém-lançado “Saúde Amazonas”, que com dois meses já possui mais de três mil downloads. A ferramenta traz informações sobre as unidades de saúde mais próximas à residência do cidadão.

“Com ele, o cidadão passou a ganhar tempo, por ser atendido num local mais próximo casa e, ainda ajudou a desafogar as unidades de urgência que recebem, diariamente, um número muito expressivo de pacientes que poderiam ter seu atendimento feito pelas Unidades Básicas de Saúde (UBS) ou pelos Serviços de Pronto-Atendimento (SPAs)”, disse Daniel.

Outro aplicativo que tem feito sucesso entre os usuários é o do “Procon Amazonas”, que traz informações sobre Direito do Consumidor e aponta qual o posto de combustível pratica o menor preço da cidade. Com mais de quatro mil downloads, a iniciativa contribui para o bolso dos motoristas e ainda incentiva a livre concorrência nos postos. Recentemente, a ferramenta ganhou a versão iOS e passou a fazer parte da loja da Apple.

Novos aplicativos

Atualmente, a PRODAM trabalha no desenvolvimento do app do Departamento de Trânsito do Amazonas (Detran-AM), que trará diversos serviços, entre eles, consulta de situação do veículo, multas, solicitação de segunda vida da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), agendamento de atendimento, entre outros.

“De imediato haverá uma redução de aproximadamente 400 mil atendimentos realizados das dependências do órgão, o que representa um benefício para a população e o Detran-AM”, apontou o diretor técnico da PRODAM. Apenas no ano passado, o departamento de trânsito registrou o atendimento de mais de um milhão e meio de cidadãos.

A PRODAM também planeja lançar um aplicativo para a realização de matrículas escolares, por conta dos resultados obtidos através do Sistema de Gestão Integrado Educacional do Amazonas (SIGEAM), que este ano registrou no início do ano um aumento de 819,61% nas requisições realizadas via internet.

Cerca de 40% dos acessos no site de matrículas foram realizados via dispositivo móvel. “Aquelas longas filas para realização de matrícula, onde a população muitas vezes precisava chegar de madrugada, tomava sol e chuva na porta da escola para garantir uma vaga no ano letivo, se tornou coisa do passado, agora todo o procedimento pode ser realizado online e de maneira rápida”, comentou o diretor técnico da PRODAM.

Potencial local

Por conta da sua expertise no desenvolvimento de soluções tecnológicas, a PRODAM tem buscado incentivar os profissionais que atuam na área de software. A intenção da empresa é descobrir talentos, principalmente do interior do Amazonas e, ainda, contribuir para a criação de negócios sustentáveis.

A empresa realizou em março a primeira Hackathon PRODAM, que contou com a participação de 30 colaboradores da área de T.I., que ficaram 24h desenvolvendo aplicativos móveis com o objetivo de contribuir para a melhoria dos serviços públicos oferecidos à população amazonense. “Encaramos o evento como um projeto piloto e a nossa ideia é expandir, em breve, essa experiência para outros segmentos da sociedade. Ao apoiar o evento, o Governo do Amazonas aposta no investimento ao empreendedorismo, na cultura da inovação e na consequente geração de tecnologias limpas, que não agridem ao meio ambiente”, destacou Daniel.