Manaus, 24 de Junho de 2017
Call Center: 0800-0922626 / (92) 2121-6490

Diário Digital chega a todas as escolas estaduais da capital

15Uma novidade abriu o ano letivo 2014, o Diário Digital, ferramenta desenvolvida pela equipe da Supervisão de Sistemas de Educação da PRODAM, agora está presente em todas as escolas da rede estadual de ensino da capital.

O Diário Digital é uma moderna ferramenta web de trabalho para educadores e que compõe o Sistema Integrado de Gestão Educacional (Sigeam), administrado pela Secretaria de Estado de Educação (Seduc). A ferramenta permite aos professores armazenar eletronicamente dados, como frequência diária escolar, notas parciais por disciplina e o conteúdo ministrado em cada aula. Com o Diário Digital os professores e os gestores têm um controle maior do grau de assiduidade dos alunos, bem como do desempenho do estudante em cada disciplina.

A implantação do projeto

O projeto piloto iniciou em 2010 nas escolas estaduais Nossa Senhora de Aparecida, em Manaus, seguido pela escola Geny Bentes, no município de Parintins e nos dois anos seguintes outras 24 escolas entraram no projeto. Durante esse período de implantação, foi montada a infraestrutura da rede e adaptação do sistema para que em 2014 a ferramenta estivesse disponível em todas as escolas estaduais da capital.

Todos os professores receberam login e senha de acesso e estão sendo treinados para o uso da ferramenta, como explica o líder de Inovação na PRODAM, Alan Laranjeira. “A Seduc reservou as primeiras semanas do ano letivo para que os professores se adequem ao novo sistema, registrando diariamente a frequência de alunos, conteúdo ministrado e aplicação de atividades em sala. Acreditamos que o maior volume de acessos aconteça nos períodos de fim de bimestre, por conta do lançamento de notas”.

Alan explica ainda que a ferramenta sofrerá atualizações conforme a necessidade do sistema. “A partir de agora nossa equipe, além de ser responsável pelo desenvolvimento e pelas melhorias que o sistema sempre exige, nós trabalharemos na evolução da ferramenta para que ela se torne cada vez mais usual e intuitiva para o usuário”.

A analista de TI na PRODAM, Polyanna Silva, acrescenta que durante o processo de implantação do Diário Digital a equipe de desenvolvimento treinou a Gerência de Informática da Seduc. “Nossa equipe atuou na implantação do projeto piloto nas primeiras 26 escolas e a partir daí, acompanhamos os treinamentos da Gerência de Informática para que eles pudessem disseminar o conhecimento para as coordenadorias e posteriormente para os professores nas escolas de forma mais autônoma”.

Alcance e utilização

Com o aumento de escolas participantes, o Diário Digital atingirá 178 mil alunos, que terão seus dados escolares atualizados diariamente e encaminhados ao Sigeam. A ferramenta vai dar mais celeridade aos processos de emissão de certificados, transferências e históricos escolares.

O professor poderá também acessar e atualizar online as informações de casa ou outros lugares, permitindo assim que ele não deixe de atualizar a frequência em casos de interrupções e interferências na conexão em sala de aula.

A ferramenta é de uso exclusivo do professor e gestores de cada escola, não permitindo que alunos tenham acesso aos dados. O espaço reservado para os alunos no portal do estudante conterá as informações finais para consulta ao final de cada bimestre.

De acordo com a equipe, o nível de aceitação dos professores está acima do esperado, muitos aprovaram o Diário Digital e já esperavam a implantação nas escolas que lecionavam.

 Para Polyanna, o diferencial do Diário Digital está no seu uso pedagógico, que vai além do antigo diário de papel, permitindo que os gestores das escolas possam acompanhar e planejar ações para melhorar o rendimento do aluno durante o ano letivo.  “Agora, a escola que tem o Diário, pode ter uma previsão do desempenho do aluno no decorrer do bimestre, para recuperá-lo em caso de desempenho baixo”, conclui.