Manaus, 24 de Junho de 2017
Call Center: 0800-0922626 / (92) 2121-6490

PRODAM realiza palestra sobre segurança da informação para colaboradores da UGPI

IMG_4158

Palestra ‘Conscientização do uso da informação digital no ambiente público’ recebeu colaboradores da UGPI

Ministrada pelos colaboradores da PRODAM a palestra ‘Conscientização do uso da informação digital no ambiente público’, teve com público-alvo, servidores da UGPI que utilizam o Sistema de Gerenciamento do Prosamim – SIGPRO. O software foi desenvolvido pela PRODAM e possibilita o acompanhamento das atividades do Prosamim, o planejamento, desenvolvimento e ações financeiras do programa de acordo com as exigências do BID, instituição financeira que repassa recursos para a execução do mesmo.

O ciclo de palestras foi dividido em cinco etapas. A primeira ministrada pelo Analista de TI Heleno Ferreira, sobre os benefícios e desenvolvimento das ferramentas da internet no ambiente de trabalho, seguido pela líder de projeto da PRODAM Lilian Gibson, que falou das novas modalidades de crimes cibernéticos.

Já o Analista Administrativo Afonso Fernandes discursou sobre a engenharia social, acompanhado de Guilherme Moraes, que apresentou os direitos digitais. Por fim, Heleno finalizou o ciclo de palestras abordando a segurança da informação baseada na norma ISO 27000.

O Analista de Negócios da PRODAM que atende o cliente UGPI, Delcio Canuto, destacou a importância da inciativa como forma de atender a todas as exigências dos órgãos financiadores do Prosamim. “O sistema SIGPRO permite ao BID acompanhar os investimentos feitos no Prosamim, sendo a conscientização dos colaboradores na parte de segurança da informação um dos itens fundamentais para manter os dados do sistema íntegros”, ressalta.

A assessora administrativa do Prosamim, Carla Roberta Duarte, relata que pela dimensão que o programa atingiu, é importante proteger os sistemas de informação tratadas no órgão. “Restringir o uso da internet em alguns setores e realizar palestras para os usuário é importante, porque muitos não entendem sobre TI e as palestras são um reforço para melhorar a segurança do sistema”.