Manaus, 26 de Abril de 2017
Call Center: 0800-0922626 / (92) 2121-6490

Seis municípios do Amazonas são selecionados para o projeto Cidades Digitais

Diretor Presidente da PRODAM, Tiago Monteiro de Paiva, participou ontem (14), de evento de lançamento das novas cidades digitais, em Brasília.

Seis municípios do interior do Amazonas (Autazes, Benjamin Constant, Maraã, Codajás, Iranduba e Careiro) estão mais próximos da realidade de uma Internet banda larga com alta velocidade de conexão. O Ministério das Comunicações publicou no Diário Oficial da União (DOU) a portaria nº 302, de 11 de outubro de 2013, selecionando os seis municípios do Amazonas para receber investimentos para a implantação de Cidades Digitais.

De acordo com o titular da Secretaria de Estado de Ciência Tecnologia e Inovação (Secti-AM), Odenildo Sena, os benefícios das cidades digitais são indiscutíveis. “Cidadania, emprego e renda, segurança, melhorias no acesso a informações de saúde, educação e inclusão digital são alguns dos serviços que serão potencializados para a população dessas localidades”, comenta.

Participação da PRODAM

O diretor presidente da PRODAM, Tiago Paiva, explica sobre o envolvimento da PRODAM neste projeto: “nós prestamos assessoria técnica, gratuita, a três dos municípios que foram contemplados com o projeto Cidades Digitais. E estamos muito satisfeitos com o resultado desse trabalho, porque temos a consciência dos enormes benefícios que a conectividade trará a esses municípios.”

Saiba mais

O projeto Cidades Digitais, do Ministério das Comunicações, recebeu em 2013 um reforço de R$ 100 milhões do Governo Federal e foi incluído no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). As inscrições para o certame ocorreram em abril deste ano, para cidades de até 50 mil habitantes e distantes até 50 km do backbone da Telebras, ou que tivessem compromisso firmado com operadora privada para conexão à Internet.

 Por Ascom/PRODAM com informações da AGECOM.