Manaus, 11 de Dezembro de 2017
Call Center: 0800-0922626 / (92) 2121-6490

Detran-AM começa usar talonário eletrônico de multas

O Amazonas é o primeiro Estado do País a utilizar o talonário eletrônico público de multas nas operações de trânsito. O equipamento, que foi desenvolvido pelos técnicos do Departamento Estadual de Transito (Detran-AM) e da Empresa de Processamento de Dados do Amazonas (Prodam), já foi homologado pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e começará a ser utilizado nas ações educativas e de fiscalização que o Detran-AM inicia neste fim de semana, como parte da operação integrada de enfrentamento à violência no trânsito.

A diretora-presidente do órgão, Mônica Melo, destaca o trabalho desenvolvidos pelos profissionais do Detran-AM e da Prodam no desenvolvimento do talonário de multa eletrônico, o primeiro desenvolvido no país por um órgão estadual de trânsito, e afirma que o uso do talonário eletrônico dará mais eficiência e agilidade ao trabalho dos agentes durante as ações de fiscalização. “Quem ganha é a população porque conseguiremos combater um número maior de infrações e crimes de trânsito, no menor espaço de tempo”, afirma.

Mônica Melo explica que, a partir do talonário eletrônico (que tem todas as funções e o formato de um tablet), o agente passa a ter em tempo real informações sobre habilitação do condutor e licenciamento do veiculo e, dependendo da irregularidade, o auto de infração e a multa são expedidos, sem possibilidade de rasuras.

“Uma vez iniciada a consulta, o agente de trânsito não tem como paralisar o procedimento ou adotar outro que não o previsto na legislação. Mesmo que ele desista de aplicar a multa, o sistema já registrou automaticamente a ocorrência e que o autor da consulta não agiu como deveria”, explica Mônica Melo, que aposta no uso do talonário para inibir possíveis tentativas de fraude e pratica de corrupção.

 Por Agecom-Am