Manaus, 12 de Dezembro de 2017
Call Center: 0800-0922626 / (92) 2121-6490

CMM irá utilizar sistema da PRODAM, para gerenciar folha de pagamento

Parceria entre órgãos visa garantir segurança dos dados

A empresa Processamento de Dados do Amazonas (PRODAM), órgão do Governo do Estado, e a Câmara Municipal de Manaus (CMM) firmaram parceria técnica, na área de Tecnologia da Informação (TI). A PRODAM será responsável pelo processamento dos dados da Folha de Pagamento do legislativo municipal. A proposta é garantir total segurança aos procedimentos adotados pela CMM, para o gerenciamento de informações referentes à remuneração dos servidores. A implantação do sistema já foi concluída e a folha de pagamento do mês de maio da CMM já foi processada pela PRODAM.

A administração das informações será feita através de um programa de computador, chamado Cadastro e Folha de Pagamento de Pessoal (CFPP) e que foi desenvolvido pela PRODAM, conforme explica o diretor presidente do órgão, Tiago Monteiro de Paiva. “Trata-se da mesma ferramenta utilizada, atualmente, nos órgãos da administração pública estadual, para esta finalidade. Estamos oferecendo, portanto, um produto com eficácia já comprovada e de alta confiabilidade”, frisou. A PRODAM está disponibilizando o software à CMM, por meio de um contrato de cessão de uso.

O sistema possibilita o cadastro, a administração dos dados e a execução da folha de pagamento de pessoal dos servidores. Atualmente, é responsável pelo cadastro do funcionalismo de todo o Estado e emissão de contracheques. Realiza, também, a emissão de relatórios e fornece informações financeiras para os órgãos federais como Caixa Econômica, Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) e Receita Federal.

O analista de sistemas da PRODAM, Adeildo Pereira Júnior, salienta que uma das vantagens da utilização do CFPP na administração pública é transparência. “O software permite o monitoramento dos dados inseridos. Neste caso, os gestores e as auditorias podem ter acesso às informações, com muito mais facilidade e de forma bastante abrangente”, ressaltou. Na parte de atendimento ao parceiro, a PRODAM também assegura suporte técnico.

Já o servidor da CMM terá acesso aos dados financeiros cedidos pela instituição, com maior comodidade. “O funcionário poderá acessar, por meio de uma página na Internet, seus dados pessoais, emitir segunda via de contracheque, quando necessário, além de obter a Cédula C, para declaração de imposto de renda”, exemplificou o analista.

O funcionamento do CFPP se dará de forma bastante simples, afirma Pereira Júnior. Ele destaca que os servidores da CMM terão total autonomia no processo de inserção das informações necessárias para a execução da folha. “Os dados serão hospedados e processados nos servidores da PRODAM, mas toda a parte de atualização de dados será feita na CMM”, explicou. A equipe administrativa da CMM participou, nesta semana, de treinamento técnico ministrado por analistas da PRODAM. No encontro, foram dadas orientações sobre a utilização do sistema. 

 Por Três Comunicações