Manaus, 27 de Junho de 2017
Call Center: 0800-0922626 / (92) 2121-6490

CMA será interligado à rede Metromao para otimizar operações

A partir do dia 12 de dezembro, o Comando Militar da Amazônia estará integrado à Rede Metropolitana de Comunicação de Dados (Metromao). A integração à rede irá otimizar o processo de alistamento militar e o agendamento de consultas no Hospital Geral Militar, entre outras atividades. A ação é resultado de um convênio assinado entre o CMA e a empresa Processamento de Dados Amazonas S/A (PRODAM).

A PRODAM já está finalizando o processo de instalação de três quilômetros de fibra ótica em quatro unidades do CMA, que serão interligadas à rede Metromao – Comissão Regional de Obras, 29ª Circunscrição de Serviço Militar, Hospital Geral Militar e Casa dos Oficiais Generais. “Com a implantação da infraestrutura tecnológica nestas unidades, ampliaremos a capacidade de acesso de 512 megabits para 1 giga, o que dará mais agilidade ao fluxo de informações, além de confiabilidade”, explica o diretor presidente da Prodam, Tiago Paiva.

O processo de interligação à rede Metromao trará outra vantagem importante para as operações do CMA – o uso dos sistemas próprios de telecomunicação e intranet do Exército, que permite o contato com todas as demais unidades da instituição, em qualquer região do país. “A partir da rede de fibra ótica e de tecnologia VOIP, poderemos utilizar, estrategicamente e de forma irrestrita, as ferramentas de comunicação pensadas para atender as necessidades do Exército”, destacou o 1º tenente da sessão de projetos do 4º Centro de Telemática Diária, André Mendes.

Metromao – Tiago Paiva explica que a rede Metromao é o sistema de cabeamento de fibra ótica de transmissão de dados do Governo. Atualmente, mais de 50 órgãos da administração estadual estão conectados, através da rede. Paiva frisa que no campo da administração estadual, o objetivo é que as instituições estejam interligadas por meio de uma infraestrutura de comunicação convergente, capaz de transportar simultaneamente dados de imagens e voz. “Órgãos de outras esferas de Governo como o Exército ou da gestão municipal, por exemplo, também poderão se utilizar desta tecnologia, para otimizar o sistema de gestão”, salienta.

A rede Metromao, entre outros benefícios, possibilita o desenvolvimento de projetos que necessitem de alta capacidade de banda de comunicação, como videoconferência, telemedicina, ensino à distância e telefonia sobre IP (protocolo de comunicação da internet), graças à infraestrutura central básica de suporte. Com o aumento da velocidade de comunicação entre os órgãos do Governo há um ganho maior de eficiência e produtividade dos sistemas de gestão da administração pública.